Devaneios "sobre o inconcebível" e "Fada"


 

 

Estes dois textos foram publicados no meu blog www.desenhosedevaneios.blogspot.com ... Divirtão-se!

 

 

Sobre o inconcebível

 

Há quem um dia dirá

Que em seu caminho

Nada se cumprirá

 

Este alguém em constate conflito

Vai se desfazer aflito,

Quando de longe o avistar

 

Montado em sua glória

Vestido de vitória

Com muito para contar

 

Não completo, no entanto,

Pois seu coração ingrato

Não quis te acompanhar

 

Vagueia ele e tão triste

pois perdido existe

e não vai se encontrar

 

Mais para aquele que o inveja,

A tua total felicidade festeja

Querendo no fundo te apunhalar

 

Com asas cortadas por mentiras

Correntes mais fortes que a saudade

Vê seu amor seguir as sereias.

 

E há quem um dia dirá

Que é impossível infeliz estar

Pois de fora é fácil dizer

Mas só de dentro pode se perceber

O que para os outros é inconcebível...

 

Fada

 

Fadados à imensa solidão

Vivendo em tristes pesadelos

Fugindo de seus medos

Mas sempre caindo mais no abismo

                    

Suas asas a tiram do chão

Mas não lhe dão liberdade

Pois a onde for será perseguida

Se esgueiram por sua vida

 

E se ao menos o dia nascesse

E se ao menos o sol chegasse

E levasse consigo todo medo

E lavasse a sobra do que foi perdido

 

Nos olhos que fechados se contorcem

Nos braços que apenas não obedecem

Revela-se a triste certeza

Que somente dor lhe trás a sua beleza

 

Em florestas mais densas que a própria duvida

Entre olhares que uma luz surda

Clareia sons inimagináveis

É onde a levaram por mentes instáveis.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Discutindo o racismo texto 2 - Desconstruindo Ruth Catala

Discutindo o racismo Texto 1: Piadas racistas

Critica Filme " Mundo deserto de Almas Negras" O racismo como sempre vemos e da pior forma.