Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

Das piadas na caverna até os memes do Whatsapp

Foi assim com o e-mail também, aos poucos uma ferramenta de utilidade na comunicação, vai sendo invadida por conteúdo inútil. A febre na época eram os power points animados, com música e glitter. Eram todo tipo de mensagem, auto-ajuda, fé, segurança pessoal, variadas historias mentirosas sobre drogas, doações para curar doenças raras e claro, correntes.
No Whatsapp, não demorou nada pra esse tipo de coisa acontecer, a facilidade multimídia de hoje é tão mais simples! Os grupos do Whats parecem que já foram criados pensando em ser o próprio inferno, a oficina do "capetinha do Spam." Em uma semana em grupos que você foi adicionado (às vezes por vontade, outras não) e seu celular estará lotado de imagens que pretendem fazer graça utilizando, gordos, feios, velhas, pobres, negros ou gays, as vezes um combo de todos eles, videos de criancinhas, gatos e idiotas em panico xingando alguém do PT. Mas na verdade a ideia era separar grupos de interesse e facilitar a comunicação entre eles.

Do fim de uma amizade

feita para a arte
feita com arte,
não estou falando de beleza
pouco menos de delicadeza não é disso que ela é feita mas do mistério que instiga
das verdades que guarda
dos corações que esmaga
dos rabiscos da madrugada do recorte colorido
que do mundo
teima sempre em criar...
com cliques, coração e olhar da forma que ignora
todas as palavras...
outrora...
desejadas...Na verdade, este poema não fala do fim de uma amizade, porém após ele, um laço se desfez de forma abrupta. Parte dos motivos talvez estejam naquilo que deu impulsionou a criação dos versos  - causa e efeito.

Bem vindo ao maravilhoso mundo de problemas que você não tinha! (ou seu novo Smartphone)

Finalmente me mordeu.
O vampiro da tecnologia, mais precisamente o perverso o Espertofone.
Não sou contra a tenologia, ou nostálgico pela máquina de escrever e a carta, mas sou contra o consumo desenfreado pelo novo e também contra essa febra de fetiche de celulares.
Sempre busquei que meus celulares durassem anos, e minha unica preocupação com eles era a de que fizessem ligações e me mantivessem em contato com meus amigos e familiares.

Por isso tive apenas 3 aparelhos em minha vida, e todos só foram trocados por que não funcionavam mais.

A algum tempo atrás em posse do meu segundo aparelho, decidi que seria a hora de trocá-lo e então pretendia escolher já um smartphone  para ficar uns bons anos com o mesmo. Porém no meio do caminho acabei ganhando de presente um aparelho novo e bem legal, porém sem muitas funcionalidades. o que me faria ter que substitui-lo em um momento próximo.

Relutei ao máximo para fazer isso, pois foi um presente de uma pessoa muito querida, mas acabei não tend…