Desabafo


Desabafo

 

 

Para minha casca devo voltar

Vi que este não é meu lugar

Vi que a ti nunca pertencerei

E em seus braços nunca repousarei

 

Para minha casca devo voltar

Pois de lá não devia ter saído

Pois a dor hoje me corrói

Pelos pedaços de um coração partido

Uma alma dilacerada, pelo amor em vão cedido.

 

Para minha casca devo voltar

Sei que aquele é o meu lugar

Onde ninguém pode me ferir,

Nenhuma lagrima de mim, rolar.

Onde seus olhos não podem alcançar,

Onde seus desprezo não vai me machucar.

 

Para minha casca devo voltar

Lá, meus olhares, a ninguém vão incomodar,

Meus abraços não farão ninguém achar,

Estar sendo perseguido.

Pois lá eu sei, sou eu e mais ninguém.

A ninguém tenho que agradar,

A ninguém eu vou dar o odioso

Desprazer da minha presença.

Lá eu sou bem vindo.Minha casca, e eu.

Comentários

  1. mas aqui é sempre um lugar ótimo pra pensar e ver bons trabalhos!!!!!adoroooooooooooo!!!!!!!!!!!bjokas moço....

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Discutindo o racismo texto 2 - Desconstruindo Ruth Catala

Critica Filme " Mundo deserto de Almas Negras" O racismo como sempre vemos e da pior forma.