finalmente o Cisne...


Cisne.


 


Esta é a grande ou talvez a mais significativa


Bifurcação da minha vida.


Tudo que eu queria, e tudo que eu sentia,


Divididos por duas palavras: o Sim e o Não.


A minha ultima esperança, a única flor que crescia.


Em uma estrada: o caminho quase certo,


E na Outra, um caminho cheio de curvas na minha frente.


Mas não dependia de mim, escolher qual seguir.


Tinha apenas que esperar a resposta, e sendo qual fosse,


Eu enterraria algo importante no meio dessas duas estradas.


O Não. Foi à resposta.


E o meu caminho a seguir, seria o cheio de curvas e buracos.


Então enterrei ali, no meio do sim e do não, O talvez.


E coloquei ali meus sonhos, desejos, apologias e meu jeito de ser.


Enterrei-me ali. Morri ali.


Naquele dia.


Não terá mais alma e nem porta, para protege-la.


Seria apenas o casulo.


E Quem não gostasse, deveria ter dado valor antes.


O casulo segue em frente.

Comentários

  1. A escolha eh uma ilusão criada entre aqueles que tem poder e os que ñ tem.Existe uma grande diferençã entre conhecer o Caminho e trilhar o Caminho.Te +

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Discutindo o racismo texto 2 - Desconstruindo Ruth Catala

Critica Filme " Mundo deserto de Almas Negras" O racismo como sempre vemos e da pior forma.